Archive for maio \18\UTC 2014

Desfolha – Uma técnica interessante para bonsai

Pesquisando na internet encontrei uma entrevista com um especialista chamado Carlos Tramujas, sobre uma técnica chamada Desfolha.

Resumidamente é a técnica de se podar somente algumas folhas do bonsai com objetivos específicos.

A desfolha possibilita basicamente os seguintes objetivos, pelo que li:

  1. Produzir folhas menores – Com o tempo a técnica faz com que a planta produza folhas menores, que no caso do bonsai é o desejável para os fins estéticos.
  2. Estimular a ramificação – Estimula a formação de novos ramos e galhos.
  3. Direcionar o crescimento de galhos específicos – Removendo-se as folhas de toda a planta exceto do galho que se deseja que cresça mais, permite o ajuste da estética da planta conforme desejado.
  4. Renovar as folhas – Permite a renovação de folhas velhas dando lugar a folhas novas.

 

Eu ainda não tenho experiência para falar por conta própria sobre essa técnica, mas já comecei a praticar.

O que já conheço na prática é o básico, não devemos deixar galhos muito compridos, porque ramificam pouco e ficam fracos, com poucas folhas.

 

A entrevista original encontra-se no link abaixo. Vale a pena ler.

http://fabiano.projetobonsai.com/2009/01/07/a-desfolha-uma-entrevista-com-carlos-tramujas/

 

Anúncios

Um pouco mais sobre Pingo de Ouro

Resolvi incluir este post só para relacionar uns links interessantes que encontrei que falam sobre o Pingo de Ouro.

Vale a pena dar uma olhada!

http://www.fazfacil.com.br/jardim/pingo-de-ouro-duranta-repens/

http://cronicasbotanicas.blogspot.com.br/2013/11/a-planta-que-todos-nos-amamos-odiar.html

http://terracotajardinagem.com.br/?tag=pingo-de-ouro

http://plantas-ornamentais.blogspot.com.br/2011/11/pingo-de-ouro-duranta-repens-aurea.html

Eu estava pesquisando na internet para saber o que causa as folhas do Pingo de Ouro ficarem roxas. Descobri que é por causa de choque térmico. Aconteceu com uma muda minha depois que troquei do vaso para um canteiro. Mas parece que não é grave, ela começa a formar novas folhas verdes depois.

 

 

Pingo de Ouro

20060228 139_X_Crop
O Pingo de Ouro (Duranta erecta aurea) é aquela plantinha que vemos em belos jardins, fazendo desenhos e cercas vivas bem bonitas, quando bem podados.

Apesar de parecer uma planta nobre, difícil de cuidar, na verdade é uma planta extremamente fácil de cuidar. O máximo que pode acontecer se você não fizer nada é que ela vai ficar irregular, sem o visual trabalhado que se costuma fazer.

Vive bem em sol e meia sombra, mas não muito bem em sombra total.

Encontrei esse link aqui que explica melhor como cuidar:

http://www.fazfacil.com.br/jardim/pingo-de-ouro-duranta-repens/

Vamos começar no início, a criação de mudas. Você só precisa pegar uns galhinhos bons, novos, verdinhos e moles. Não serve galhos duros lenhosos. Veja a foto abaixo.

 

DSC02621

 

Nesta foto eu coloquei as mudas enfiadas na terra para enraizarem. Foi 100% de sucesso. A dica é a mesma de sempre para estaquias. Cortar em diagonal, tirar uma parte das folhas, colocar em terra de boa qualidade e manter a terra úmida. Usar fertilizante NPK 10-10-10 também ajuda a acelerar.

No lado direito da foto tem um arefato que eu costumo usar para ajudar a enraizar mudas. É uma mini-estufa de garrafa pet, mas já é assunto para outro post. As mudas do vaso, na verdade foram tiradas de uma dessas mini-estufas depois de uns dias para enraizar. Mas eu só faço isso porque em casa venta muito, e a terra seca muito rápido, mas dependendo do lugar não precisa, dá pra fazer direto no vaso.

Depois que elas crescem um pouco mais você precisa colocar em vasos maiores, ou direto no local final. Eu quis colocar antes em uma jardineira para elas crescerem mais. Veja na próxima foto.

 

IMG_20131108_083144

 

Aqui eu já coloquei as mudas em uma jardineira para crescerem mais. Observe que é necessário deixar um certo espaço entre uma e outra, porque elas vão crescer espalhar os galhos, formando uma coisa só. Aquelas cercas vivas são várias dessas equidistantes, cujos galhos fica juntos parecendo uma coisa só.

Agora veja como ficaram depois de 4 meses e algumas podas.

 

DSCN0056

 

Já cresceram a ponto de formarem uma coisa só. Agora você pode pegar as mudas já crescidas, com raíz e tudo, e transplantar para o local definitivo, ou criar no vaso mesmo. Só que se for criar em vaso precisa lembrar de alguns cuidados semelhantes à criação de bonsais, por exemplo, periodicamente vai precisar podar as raízes.

Aliás, acho que vou pegar uma das mudas para criar como bonsai, boa idéia…rsrs!

Eu já coloquei algumas mudas no canteiro definitivo, mas ainda estão pequenas, quando estiverem legais vou colocar mais fotos aqui no blog.

Veja abaixo um exemplo em um jardim:

 

 

Agora, por último, um exemplo de Pingo de Ouro que não foi podado para ficar “quadrado”.

 

%d blogueiros gostam disto: